Obs.: a página impressa não é necessariamente idêntica à página exibida na tela.
Voltar ao topo.
Ouça ao vivo
logo google playBaixar App p/ Androidlogo apple itunesBaixar App p/ iOs

Velásquez domina Cigano, consegue nocaute e se firma como número 1


« Anterior« Última» Próxima» Primeira
ImprimirReportar erroTags:reuters, firmar, impôs, combate, ficar, esteve, poder e divisão210 palavras3 min. para ler
Velásquez domina Cigano, consegue nocaute e se firma como número 1Ver imagem ampliada
O fim da trilogia não teve final feliz para os brasileiros. Com uma atuação dominante em todas as áreas, assim como havia feito na segunda luta, Cain Velásquez derrotou Junior Cigano na atração principal do UFC 166, na noite deste sábado, em Houston (EUA), e manteve o cinturão da categoria peso-pesado (até 120kg) do Ultimate.

Desta vez, no entanto, o americano conseguiu no suspiro final o nocaute técnico, primeiro sofrido por Cigano, para dar um gosto ainda mais especial na vitória e se firmar como número 1 da divisão.

O campeão esteve muito bem durante todo o combate e impôs sua estratégia com êxito, alternando socos fortes em pé com quedas e pressão na grade. Cigano, por sua vez, saiu novamente com o rosto bastante inchado e desfigurado.

Ao fim da luta, o brasileiro reconheceu a superioridade do adversário e deu a ele todos os créditos:
- Eu estava muito bem para essa luta. Ele (Cain Velásquez) é muito, muito... Ele me derrotou (risos). Vou treinar para ficar melhor e poder enfrentá-lo de novo.

Aos 31 anos, Velásquez chegou ao triunfo de número 13 na carreira, contra apenas uma derrota. Já Cigano foi derrotado pela terceira vez, a segunda para o campeão, em um total de 19 lutas.

Fonte: sportv.globo.com
Foto: Reuters

Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it

texto curta nosso site

Patrocinadores

Unimed ChapecóSchumann
Nutrijá - Alimentação Consciente
Vivenda Açai
Instituto do Corretor ChapecoNostra Casa