Obs.: a página impressa não é necessariamente idêntica à página exibida na tela.
Voltar ao topo.
Ouça ao vivo
logo google playBaixar App p/ Androidlogo apple itunesBaixar App p/ iOs

Neil Young está gravando com filhos de Willie Nelson

AnteriorPróximo

Young já tocou com Lukas e Micah Nelson nos eventos beneficentes

AnteriorPróximo

« Anterior« Última» Próxima» Primeira
ImprimirReportar erroTags:neil, referiu, vídeo, brincou, chamar, monsanto, referência e indústria310 palavras4 min. para ler
Neil Young está gravando com filhos de Willie NelsonVer imagem ampliada
Neil Young completa 70 anos de idade em 2015, mas tem mais fôlego que muito moleque começando a carreira por aí: só no ano passado o músico lançou não um, mas dois álbuns (“A Letter Home” e “Storytone”, saiu em turnê pela Europa com a banda Crazy Horse e ainda fez uma série de shows solo em formato acústico nos EUA.

Isso sem falar no Pono, companhia de música digital de alta qualidade que fundou em 2013 e para a qual passou o ano angariando fundos através de campanhas de financiamento coletivo. A loja digital foi ao ar essa semana, e o tocador começa a ser vendido mês que vem por US$ 399.

O PonoPlayer fez sua estreia no International Consumer Electronics Show dessa semana, em Las Vegas, onde Young deu uma entrevista à Rolling Stone na qual revelou estar gravando um disco com os filhos de Willie Nelson.

Young já tocou com Lukas e Micah Nelson nos eventos beneficentes Harvest the Hope Concert, Bridge School Benefit e Farm Aid (confira no vídeo), e brincou que o disco poderia se chamar “The Monsanto Years”, referência à indústria multinacional a qual já se referiu como “o maior vilão de todos”: “É uma revisão otimista da situação”, afirmou o músico.

Ainda não há mais detalhes sobre o álbum, e a única apresentação que Young tem agendada até o momento é o tributo a Bob Dylan que a associação MusiCares promove no próximo dia 06 de fevereiro. Mas o ritmo não deve diminuir tão cedo:

“Eu não sei muito sobre o futuro. Eu quero [focar no Pono] e quero continuar fazendo música. Essas duas coisas devem me manter bem ocupado. Eu tenho algumas edições de filmes e coisas para fazer em paralelo. Eu provavelmente escreverei mais alguns livros. Eu quero continuar fazendo o que faço. Eu gostaria de continuar a fazer por muito tempo”, declarou Young.

Fonte: TDM


Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it

texto curta nosso site

AnteriorPróximo

texto mural

AnteriorPróximo

Patrocinadores

AnteriorPróximo
Unimed ChapecóSchumann
Nutrijá - Alimentação Consciente
Vivenda Açai
Instituto do Corretor ChapecoNostra Casa